Selagem no cabelo é bom ?

Primeiramente o que seria a selagem no cabelo,  é um tratamento que foi criado no Brasil, ele tem como base a queratina, que tem a função de fechar as cutículas do fio (ou seja, ela sela a estrutura), quando elas são danificadas por processos químicos, como alisamentos e tintura. O processo da selagem consegue recuperar a saúde dos cabelos trazendo mais disciplina, hidratação, resistência e brilho.

Tome muito cuidado, porque ás vezes os tratamentos com o nome de “selagem” podem ser, na verdade, uma escova progressiva. O que define o tratamento é o produto, se ele contém em sua formulação, além da queratina, o formol. Nesses casos, esse procedimento também alisa o fio.

O problema é que o formol só pode estar presente em concentrações de 0,2% nos produtos, senão pode causar diversos efeitos colaterais, e normalmente nesse tipo de concentração ele não traz o efeito desejado . Tome muito cuidado!

O formol pode trazer diversos problemas como :  queimadura, descamação do couro cabeludo, queda do cabelo, ardência nos olhos, falta de ar, tosse, dor de cabeça, enjoo, vômito, desmaio. Por isso procure um cabeleiro de sua confiança.

A selagem é feita com xampu, condicionador e ampolas da mesma linha. Primeiramente o cabelo é lavado com os dois primeiros produtos e depois e secado e tem suas ampolas aplicadas. Então, é preciso uma fonte de calor para que esses produtos funcionem e fechem os fios, normalmente a chapinha, que é passada em cada mecha de cabelo em diversas vezes.

A quantidade de vezes que você terá que fazer vai ser feita  de acordo com o grau de danos no fio. O número de sessões vai depender do nível de sensibilização dos fios, e a periodicidade será determinada pelo profissional que fez a análise. No geral, ela pode ser feita a cada dois ou três meses.

Uma recomendação para você evitar esse tratamento é que se o cabelo estiver extremamente sensibilizado, a ponto de não poder se submeter a uma fonte de calor, não é recomendado fazer a selagem,

 

 

Compartilhe
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter